Avaliação e Intervenção Neuropsicopedagógica (suspen)

c362f3934e804ced81a3b3c50bbfce55.jpg

A avaliação neuropsicopedagógica é realizada com crianças, adolescentes e adultos.

 

O objetivo é estabelecer padrões de funcionamento, identificando potencialidades e possíveis atrasos cognitivos gerais ou específicos que interfiram no processo de aprendizagem.

 

A avaliação pode auxiliar tanto no processo de diagnóstico quanto na elaboração de estratégias, programas ou atividades para intervenção.

 

O atendimento clínico pressupõe 5 passos:

 

1ª Passo: Agendamento do 1ª atendimento presencial  e a solicitação do termo de compromisso. (por telefone ou whatsApp).
 

2ª Passo:  Entrevista com os pais para levantamento dos dados, das queixas e dos exames realizados no paciente com outros profissionais até aquele momento.  
 

3ª Passo:  A avaPor volta de 6 a 8 sessões. Pode ser necessário o encaminhamento para outros profissionais, a fim de se fechar um diagnóstico.

 

4ª Passo - Escola:  Envio de questionários e escalas para a escola ou ainda uma visita na instituição. (quando necessário).
 

5ª Passo - Devolutiva:  Entrega do relatório clínico à família, com a hipótese diagnóstica e se necessário, encaminhamentos para outros profissionais de áreas afins.

 

6ª Passo - Intervenção:- É traçado então um planejamento de ações para o desenvolvimento das habilidades deficitárias, identificadas por meio da avaliação realizada. Por volta de 3 a 6 meses, dependendo do caso.
 

7ª Passo - Reavaliação:  Após o período de intervenção, que varia de acordo com cada caso, é necessário reavaliar as habilidades trabalhadas a fim de se verificar a continuidade ou não da intervenção.

 

Em que a neuropsicopedagogia vai avaliar e intervir?

 

●      Crianças com dificuldades escolares;

●      Crianças muito agitadas ou que vivem no mundo da lua;

●      Bebês e crianças que apresentam atraso em seu desenvolvimento em geral;

●      Adolescentes que apresentam dificuldades para desenvolver-se nos estudos;

●      Adultos com dificuldades em organização, foco e desenvolver atividades em geral até o fim;

●      Idosos – Alzheimer – Para estimulação cognitiva

●      TEA – Transtorno do Espectro Autista

●      Dificuldades, distúrbios, síndromes e transtornos.